Certamente você já terá escutado nomear, analisar e tentar definir à geração millennials ou geração Y, quer dizer às pessoas nascidas no começo dos anos 80 até o ano 2000 aproximadamente, que marcaram uma mudança do paradigma na concepção do mundo profissional e a relação entre consumo e marcas.

Os nativos digitais quebram com uma estrutura de gostos, atividades e percepção da realidade que tinha sido instaurada pela geração X. Desta forma, os setores da população que antes determinavam a atividade comercial e de consumo são substituídos por jovens que permanecem o tempo todo ligados com seus smartphones, recebem notícias através dos apps ou do Twitter, e têm uma mente muito mais aberta no que se refere à religião, ao social, ao cultural e ao sexual que anteriormente não existia. Assim como também têm uma atitude da vida muito mais rebelde e inovadora.

A importância de conhecer e saber como chamar a atenção da geração do milênio consiste em que quase todos os setores produtivos e o dinheiro que é depositado nas diferentes marcas é decidido pura e exclusivamente pelos membros dessa geração, seja pelo seu poder aquisitivo próprio, ou pela influência que têm sobre as gerações anteriores, como a X, ou os «Baby Boomers». Por exemplo, um casal de millennials nascido entre 1982 e 1989 é provável que já tenham ou estejam por ter filhos, e isto significa que todas as ações de consumo passam por eles. Ou seja, ao consumo habitual da tecnologia, moda ou estética, agora se adiciona tudo o que tenha a ver com o cuidado e crescimento da criança.

pareja millennials

Muitos marketers têm a difícil tarefa de tentar atrair os millennials para as suas empresas. No EnvialoSimple elaboramos uma lista das melhores estratégias para atrair aos membros desta geração nas suas campanhas de marketing.

Marcar a diferença é ganhar adeptos leais É preciso quebrar o molde, inovar e aportar produtos ou serviços que estejam em sintonia com o modo de ver a vida dos millennials, poder se colocar no seu lugar e a partir dai pensar em como satisfacer suas necessidades é a melhor maneira de conseguir a sua atenção. É bom salientar que contar com presença e consolidar uma comunicação através das redes sociais é muito importante para conseguir sua confiança e apoio. A principal vantagem é que quando os membros da geração Y estão satisfeitos e contentes com a marca que escolheram, seu valor de lealdade para ela será forte e muito difícil de quebrar.

2. Privilegiar a qualidade

Os jovens que têm entre 20 a 40 anos pensam de uma forma simples e coerente com seu estilo de vida. São críticos e curiosos, mas são exigentes na eleição de produtos. A qualidade da matéria prima, o design, a funcionalidade e contar com os últimos avanços tecnológicos é de vital importância na hora de atrair este setor de público. É por isso que na hora de lançar um produto no mercado ou oferecer um novo serviço é importante, antes de mais nada, levar em conta a qualidade perante outras variáveis como o preço e o packaging.

3. Possuir responsabilidade social

Os nativos digitais têm um forte sentido da solidariedade, o cuidado do meio ambiente, a amplitude e a aceptação do pensamento. Como pessoas de espíritu livre e combativo às imposições pré-estabelecidas pretendem que as empresas também estejam comprometidas na tentativa de preservar e apoiar estes preceitos.

4. Possuir valores e uma missão comum

O sentido de identificação entre cliente e empresa é fundamental, já que como falávamos anteriormente os millennials baseiam suas eleições e decisões em valores compartilhados em comum. Por isso, para poder atrair esses valores é imprescindível prestar atenção nos gostos e preferências no que se refere à moda, estética, gaming, tecnologia e móveis.

5. Apostar às emoções positivas

A felicidade, plenitude e o humor são fundamentais e uma pedra angular que todas as marcas devem levar em conta nas suas campanhas de marketing e comunicação. Os clichês, brincadeiras comuns ou ações genêricas e vistas em todas partes aportarão nulos resultados na hora de atrair a um millennial. Pelo contrário, utilizar um humor fino com alguma dose de ironia, apelar às emoções que provoquem bem-estar, propor atividades com bom astral e com fins solidários ou estabelecer um bate-papo rápido mas confiável são as melhores ferramentas para atrair este setor do mercado, que para o ano 2018 será responsável de investir mais de 300.000 milhões de dólares por ano.